Geografia e Minecraft

Geografia e Minecraft

Alunos do 9º ano aplicam o que aprenderam na aula de Geografia dentro do ambiente do jogo Minecraft

 

Já ambientados com as aulas de programação, os alunos transformam o conhecimento em vivência integrada, através da tecnologia. Juntos no mesmo cenário virtual constroem as sugestões que eles mesmos desenvolveram em aula, orientados pelo professor João Victor, de geografia.

Nós estruturamos a ação em três etapas: a construção do conceito, a pesquisa e aplicação do conteúdo na sua vivência cotidiana e a “gamificação” – a transformação de tudo isso em protótipos dentro do ambiente do jogo. – exemplifica João.

O tema dessa vez foi a sustentabilidade. Surgiram soluções que representavam o restaurante da mãe, com aplicação de mobiliário feito com madeira de reflorestamento, teve construção de mina com testes de energia eólica comparada com a geotérmica, soluções voltadas para escolhas que eles mesmos já estão fazendo para suas profissões futuras – representadas em aplicação de vidro para economia de luz em projetos arquitetônicos, por exemplo, além da coleta seletiva de lixo, entre diversas outras. Uma verdadeira cidade em que os alunos circulam no projeto um do outro enquanto vão trocando, ao vivo, suas experiências. Patrícia Siffert, Assessora de Tecnologia Educativa, acompanha de perto os resultados:

“A prática reflexiva do uso da tecnologia, com a inserção do conteúdo pedagógico, transforma os alunos em produtores críticos em lugar de meros consumidores”, afirma.

E já teve aluno que chegou contando para o professor que o pai, que antes reclamava que ele não saía do jogo, agora fica satisfeito vendo que ele está naquele mesmo ambiente, construindo conhecimento e compartilhando com os amigos. É a tecnologia transformada em vivência, reforçando a aquisição do conhecimento e desvendando milhares de novas possibilidades.